Atendimento: (11) 3333-1303

20/07/2018 - Venda mais! Cinco ideias criativas para empreender no inverno


Julho é o ápice do inverno no Brasil e boas oportunidades de negócio não escolhem estação do ano para aparecer. E só porque está frio, isso não significa que a sua veia para empreendedorismo precisa hibernar, não é mesmo? Logo, entre um fondue aqui, umas sopas e caldos ali, confira cinco ideias criativas para que você possa faturar um bom dinheiro durante o inverno no Brasil.


Cinco ideias criativas para vender mais durante o inverno

Quiosque de sopas e caldos

Caldos quentes como caldo verde, mocotó, feijão e outros tantos tipos, podem ser comercializados não apenas em padarias ou restaurantes, mas também em quiosques. Nesse tipo de espaço, o consumidor pode consumi-los de forma prática e rápida, principalmente na hora do almoço ou na volta do trabalho. Se você está pensando em empreender neste inverno considere esta possibilidade.

Cursos de educação à distância

Empresas que oferecem cursos de educação à distância afirmam que o seu faturamento sobe no inverno. Isso porque, por causa do frio, as pessoas optam por ficar mais em casa, logo, veem nessa reclusão uma boa oportunidade de estudar para concursos e vestibulares. Um bom exemplo é o iPED, especializado nesse mercado. A empresa afirma que, no verão, seu faturamento médio é de R$ 380 mil. Já na estação mais fria do ano, esse valor sobe para R$ 555 mil.


Limpeza

Se tomar banho no inverno já é um sacrifício, mesmo durando alguns minutos, imagine limpar a casa que pode levar horas? Pensando nisso, já existem empresas focadas em serviços de limpeza a casa e empresas que faturam muito mais no inverno do que no verão. Isso porque as pessoas estão pouco dispostas a lidar com água fria e produtos químicos no frio e abrem espaço para esse tipo de empreendimento. A Maria Brasileira, por exemplo, é uma rede de franquias especializada nesse nicho e cujo investimento inicial de uma unidade gira em torno de R$ 56,8 mil.


Lavanderias

O faturamento de redes de lavanderias aumenta no inverno porque há um valor agregado aos produtos mais pesados que são lavados: eles demoram mais para secar e, muitas vezes, não há espaço físico para deixá-los secando. Com isso, franquias do setor registram um acréscimo e suas receitas de até 30%, se comparado ao verão.


Dormir

Como as pessoas tendem a ficar mais em casa durante o inverno, essa é a estação do ano em que elas tendem também a ficar mais em suas camas, já que sempre bate aquela preguiça boa para ficarmos embaixo das cobertas. E investir em uma loja de colchões nesse período do ano é uma boa dica de investimento, já que muitos procuram colchões novos para curtir o frio. Uma unidade da rede Sonobello, por exemplo, fatura R$ 60 mil no verão e R$ 80 mil no inverno.

Fonte: Certisign

voltar
 
Hashimoto & Augusto
Copyright © 2014 E-HASA Certificação Digital . Todos os direitos reservados